fbpx

Saiba como gerenciar o bem-estar digital

Qual a primeira ação que você faz logo ao acordar? Muitas pessoas têm o hábito de pegar o smartphone para dar aquela primeira checada nas redes sociais mesmo antes de levantar da cama (quem nunca?). 

Se você faz parte deste team, esteja atento!

Hoje já se sabe que o acesso frequente e excessivo às plataformas online pode ter impactos no bem-estar, nas questões emocionais e saúde mental. Por isso, saber gerenciar seu bem-estar digital é a grande sacada para levar a vida com equilíbrio, on e offline.

Conceito de bem-estar digital

Mais uma pergunta para você pensar: quanto tempo do seu dia você passa mexendo no celular? O conceito de bem-estar está atrelado a isso. Bem-estar digital é saber gerenciar o uso dos dispositivos e o tempo que se passa nele.

Ok! Mas qual a relação entre bem-estar e o seu comportamento no meio online? Vem que a gente separou alguns tópicos logo abaixo para explicar.

Medo de perder o que está acontecendo

Você deve lembrar a enxurrada de lives, de cursos disponibilizados gratuitamente na web e dos serviços de streaming abertos no início do distanciamento social. Tudo isso foi um convite para que a gente passasse mais tempo com o smartphone na mão e um certo receio de perder algo que acontecia no online.

O trabalho home office, conteúdos incríveis e de fácil acesso, lives com grandes artistas em casa e muitos outros gatilhos e atrativos nos deixaram mais conectados, querendo ver, consumir e aproveitar todas as informações.

Esta tensão por estar por dentro de tudo que rola abre porta para quadros de ansiedade, estresse, desequilíbrio emocional e outras situações que o bem-estar digital ajuda a contornar.

Disponibilidade o tempo todo

Ainda, as redes sociais e os aplicativos de mensagem viraram nosso meio de comunicação mais ativo. Com isso, passamos a permanecer disponíveis o tempo todo. Afinal de contas, aparentemente, não há muitos compromissos e distrações enquanto estamos e casa, o que nos deixou mais expostos ao uso do celular.

Quem passou a trabalhar de casa, viu no dispositivo a ponte de contato com chefes, colegas e clientes. A sala de reuniões passou a ser o Zoom, o que possibilitou fazer encontros de qualquer lugar, aumentando mais ainda a nossa prontidão em responder todos a qualquer momento.

Estar disponível o tempo todo pode parecer uma característica de alguém sagaz, antenado, mas “o golpe tá aí”. É preciso ter momentos de relaxamento para manter o equilíbrio e cuidar da sua saúde, e o bem-estar digital é importante para isso.

Atenção com cada postagem

Enquanto a nossa relação com o meio digital ficou mais intensa e mais disponível, na contramão surgiu um cuidado redobrado com as postagens. Foi neste mesmo cenário que a era do cancelamento veio com força, e as pessoas ficaram com medo de postar qualquer coisa que pudesse parecer ofensivo ou too much para a situação de isolamento.

Então, assim: a gente passou a consumir muito conteúdo e produzir com mais receio e cuidado, o que gera uma certa preocupação e sensação de alerta constante.

Dicas para gerenciar o bem-estar digital

O conceito de bem-estar digital também está associado às iniciativas de aplicativos e sistemas operacionais para ajudar a maneirar no uso do celular.

Assim, a Android, por exemplo, conta com diversos apps que mostram ao usuário o tempo de uso de uma rede social, ou bloqueia o uso após um certo período.

Veja alguns exemplos de aplicativos com essas funcionalidades

Aplicativos de bem-estar digital

  • O app Post Box tem como foco diminuir o uso do celular ao agendar um horário para enviar as notificações importantes em um único momento. Desta forma, o usuário não é distraído a cada notificação recebida.
  • O Tangerine é um aplicativo que faz um acompanhamento da rotina do usuário, questiona sobre o seu humor, bem-estar, faz uma avaliação do dia e o conduz em uma jornada de autocuidado e tarefas organizadas.
  • Unlock Clock é um contador que mostra quantas vezes o usuário desbloqueou o dispositivo no dia. O resultado vai fazer você se questionar sobre o uso do aparelho. Acredite!

Além deles, veja outras 4 dicas para gerenciar seu bem-estar digital

  1. Desative as notificações de aplicativos que consomem muito o seu tempo. 
  2. Tenha momentos de detox digital e fique longos períodos sem acessar redes sociais e aplicativos de mensagem.
  3. Defina um limite e tempo para ficar nas redes sociais. Os apps de bem-estar digital são ótimos para isso.
  4. Lembre do e-mail como ferramenta de trabalho. Nem tudo precisa ser resolvido pelos aplicativos de mensagem.

Gostou deste conteúdo? Compartilhe com quem você gosta e precisa saber mais sobre bem-estar digital.

Comentários